Make your own free website on Tripod.com

Relação de obras da literatura alemã disponíveis em traduções para o português

Voltar à Página Inicial

 

Romances e contos / Autobiografias / Cartas  -  Christine Nöstlinger até Stefan Zweig (N-Z)

NÖSTLINGER, Christine. O novo Pinóquio. Trad. Cristina Alberts Franco. São Paulo: Martins Fontes, 1989.

NOVALIS. Pólen; Fragmentos, diálogos, monólogo. Trad., apres. e notas Rubens Rodrigues Torres Filho. São Paulo: Iluminuras, 1988. (Biblioteca Pólen).

___. Os discípulos em Saïs. Trad. Luís Bruhein. Lisboa / Rio de Janeiro: Hiena, 1989.

PENTEADO, Jacob (Sel., Org.). Contos alemães. Não consta o nome do tradutor. São Paulo: EDIGRAF, s.d. (Primores do conto universal).

REMARQUE, Erich Maria. Nada de novo no frente occidental. Trad. Augusto Ferreira. Buenos Aires: Editora America Latina, 1931.

___. Regressando da guerra. Trad. Mario de Sa. Porto Alegre: Globo, 1931.

___. Depois. Buenos Aires: Editora America Latina, 1931.

___. Depois. Trad. J. M. Vidigal. Buenos Aires: Edições Populares, 1931.

___. Três camaradas. Trad. Frederico dos Reys Coutinho. Rio de Janeiro: Editora Vecchi, 1940.

___. Náufragos. Trad. Rachel de Queiroz. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1942.

___. O arco do triunfo. Trad. Richard Paul Neto. Rio de Janeiro: Record, 1945.

___. Arco do triunfo. Romance. Trad. Wanda Murgel de Castro. Rio de Janeiro: Olympio, 1947.

___. Sem novidades no front - O regresso. Trad. Jose Geraldo Vieira. Rio de Janeiro: José Olympio, 1951.

___. E assim acaba a noite. Trad.Rachel de Queiroz. Rio de Janeiro: Record, 1952.

___. Centelha da vida. Trad. Teobaldo de Souza. Rio de Janeiro: Record, 1952.

___. Náufragos. Trad. T. de Souza. Rio de Janeiro: José Olympio, 1952.

___. Centelha da vida. Trad. Beatriz Sylvia Romero Porchat. Rio de Janeiro: Jose Olympio, 1954.

___. Amar e morrer. Trad. Jose Geraldo Vieira. São Paulo: Editora Mérito, 1957.

___. O obelisco negro. Trad. Richard Paul Neto. Rio de Janeiro: Record, 1957.

___. O obelisco negro. Trad. Brenno Silveira. Rio de Janeiro, Bahia: Cilizicacao Brasileira, 1957.

___. O caminho de volta. Trad Belchior Cornelio da Silva. Rio de Janeiro: Record, 1958.

___. O céu não tem favoritos. Trad. Richard Paul Neto. Rio de Janeiro: Record, 1961.

___. Amar e morrer. Trad. Jose Geraldo Vieira. Sao Paulo: Itatiaia, 1969.

___. Uma noite em Lisboa. Romanzo. Trad. Belchior Cornelio da Silva. Rio de Janeiro: Record, 1970.

___. Sombras no paraíso. Trad. Belchior Cornelio da Silva. Rio de Janeiro: Record, 1971.

___. Nada de novo no front. Trad. Helen Rumjanek. São Paulo: Abril Cultural, 1981. (Clássicos Modernos, 9).

___. Tempo para viver, tempo para morrer. Trad. Marion Luiza Pfeffer. São Paulo: Globo, 1990.

___. O caminho de volta. Trad. Bélchior Cornelio da Silva. Rio de Janeiro: Record, s.d.

RENNER, Rolf Günter, BACKES, Marcelo. (Org.). O melhor do conto alemão no século XX. Porto Alegre: L&PM, 2004.

RIEDEL, Diaulas (Org.). Maravilhas do conto alemão. Introd. e notas Edgard Cavalheiro. Trad. revistas por T. Booker Washington. São Paulo: Cultrix, 1957.

 

Voltar à Página Inicial

 

RILKE, Rainer Maria. Cartas a um jovem poeta. Introd. e trad. Fernando Jorge. Rio de Janeiro: Hemus, 1967.

___. Cartas a um jovem poeta / A canção de amor e de morte do porta-estandarte Cristóvão Rilke. Trad. Paulo Rónai e Cecília Meireles (respect.). Porto Alegre: Globo, 1970.

___. Os cadernos de Malte Laurids Brigge. Prefácio e trad. Paulo Quintela. Porto: Editorial Inova, 1975.

___. Os cadernos de Malte Laurids Brigge. Trad. Lya Luft. São Paulo: Mandarim, 1996.

___. Histórias do Bom Deus e outros textos. Trad. Maria Gabriela Cardote. Lisboa: Livros do Brasil, 1989. (Coleção Dois Mundos, 178).

___. Ewald Tragy. Trad. e prefácio Cláudia Fischer. Lisboa: Relógio D’Água, 1997.

___. Histórias do Bom Deus. Trad. Pedro Süssekind. 2. ed. Rio de Janeiro: 7 Letras, 2003. (Coleção Rocinante).

___. Cartas natalinas à mãe. Trad. de Maria Aparecida Barbosa. Rio de Janeiro: Globo, 2007.

___. Cartas do poeta sobre a vida. Org. e Introd. Ulrich Baer. Trad. Milton Camargo Mota. São Paulo: Martins Fontes, 2007. (Coleção Prosa).

___. O testamento. Trad. de Técio Redondo. Prefácio de Helmut Galle. São Paulo: Globo, 2009.

ROTH, Joseph. A marcha de Radetzky. Trad. Luiza Ribeiro. São Paulo: Difel, 1984.

___. A cripta dos capuchinhos. Trad. Luiza Ribeiro. São Paulo: Difel, 1985.

SCHILLER, Friedrich. Uma aventura singular. In: PENTEADO, Jacob (Sel.). Obras primas do conto de terror. Seleção, introdução e notas de Jacob Penteado. São Paulo: Livraria Martins Editora, 1958. p. 11-28.

___. Kallias ou Sobre a beleza. Trad. Ricardo Barbosa. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2002. (Coleção Estéticas).

SCHLEGEL, Friedrich, SCHLEGEL, Dorothea. A história do mago Merlin. Trad. João Azenha Jr. São Paulo: Martins Fontes, 1989. (Coleção Gandhara).

SCHLEGEL, Friedrich. Lucinda. Trad. Álvaro Ribeiro. Lisboa: Guimarães, 1979.

___. Conversa sobre a poesia e outros fragmentos. Trad., pref. e notas Victor-Pierre Stirnimann. São Paulo: Iluminuras, 1994. (Biblioteca Pólen).

SCHLINK, Bernhard. A volta para casa. Trad. Claudia Abeling. Rio de Janeiro: Record, 2009.

___. O leitor. Trad. Pedro Süssekind. Rio de Janeiro: Record, 2009.

___. O outro. Trad. Kristina Michaelles. Rio de Janeiro: Record, 2009.

SCHNEIDER, Peter, BÜCHNER, Georg. Lenz. Trad. e posfácio Irene Aron. São Paulo: Brasiliense, 1985.

SCHNITZLER, Arthur. Contos. Trad. e posfácio Maria Antónia Espadinha Soares. 2. ed. Lisboa: Apáginastantas, 1985. (Dois Dedos de Leitura, 3).

___. Contos de amor e morte. Sel. e apres. Wolfgang Bader. Trad. George Sperber. São Paulo: Companhia das Letras, 1987.

___. O retorno de Casanova. Trad. Günther H. Wetzel. São Paulo: Companhia das Letras, 1988.

___. Senhorita Else. Trad. Marijane Lisboa. 2. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996. (Coleção Leitura).

___. Breve romance de sonho. Trad. Sérgio Tellaroli. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

___. Aurora. Trad. Marcelo Backes. São Paulo: Boitempo Editorial, 2001.

___. A senhora Beate e seu filho. Porto Alegre: L&PM, 2001.

___. A testemunha. In: FIGUEIREDO, Cláudio (Org.). Mestres-de-armas. Tradução de Cláudio Figueiredo, Rubens Figueiredo e Samuel Titan Jr. São Paulo: Companhia das Letras, 2007. p. 136-158 (conto traduzido por Samuel Titan Jr.).

SCHULZE, Ingo. Celular - Treze histórias à maneira antiga. Trad. Marcelo Backes. São Paulo: Cosac&Naify, 2008.

___. Vidas novas. Trad. e notas de Marcelo Backes. São Paulo: Cosac&Naify, 2009.

 

Voltar à Página Inicial

 

SEBALD, W.G. Austerlitz. Tradução de José Marcos Macedo. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

___. Vertigem; Sensações. Tradução de José Marcos Macedo. São Paulo: Companhia das Letras, 2008.

___. Os emigrantes. Tradução de José Marcos Macedo. São Paulo: Companhia das Letras, 2009.

___. Guerra aérea e literatura. Com um ensaio de Alfred Andersch. Tradução de Carlos Abbenseth e Frederico Figueiredo. São Paulo: Companhia das Letras, 2011.

SEGHERS, Anna. A sétima cruz. Trad. Otávio Mendes Cajado. São Paulo: Livraria Martins Editora, 1943. (Coleção Contemporânea).

___. Histórias vividas. Sel., trad. e pref. James Amado. São Paulo: Cultrix, 1961.

___. Em trânsito. Trad. Marijane Lisboa. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987. (Mulheres e Literatura, 2).

___. Os mortos permanecem mortos. Trad. Maria Werneck de Castro. São Paulo: Expressão Popular, 2003.

SILVA, Fernando C. (Org.). Maravilhas do conto fantástico. Introd. e sel. José Paulo Paes. Não consta o nome do tradutor. São Paulo: Cultrix, 1958.

STORM, Theodor. O homem do cavalo branco e outras novelas. Trad. João Távora. São Paulo: Boa Leitura, s.d.

STRAUSS, Botho. A dedicatória. Trad. Nicolino Simone Neto e Válter Fernandes. Rio de Janeiro: Globo, 1987.

STURLUSON, Snorri. Edda - em prosa; Textos da Mitologia Nórdica. Trad. apres. e notas Marcelo Magalhães Lima. Rio de Janeiro: Numen, 1993.

SUDERMANN, Hermann. O moinho silencioso. Trad. Nair Lacerda. São Paulo: Saraiva, 1951. (Col. Saraiva, 41).

SÜSKIND, Patrick. O perfume; História de um assassino. Trad. Flávio R. Kothe. 5. ed. Rio de Janeiro: Record, s.d.

TIECK, Ludwig. A morte de Camões. Prefácio de Hernani Cidade. Lisboa: Editorial Aviz, 1944.

___. Feitiço de amor e outros contos. Introdução de Maria Aparecida Barbosa. Tradução de Karin Volobuef e Maria Aparecida Barbosa. São Paulo: Hedra, 2009. [Antologia com seis contos: O loiro Eckbert; A montanha das runas; Os elfos; Feitiço de amor; O cálice; Eckhart Fiel e Tannenhäuser]

TRAVEN, B. O visitante noturno. Trad. Lucian Machado. São Paulo: Conrad Editora do Brasil, 2008.

TREICHEL, Hans-Ulrich. O acorde de Tristão. Trad. Sérgio Tellaroli. São Paulo: Companhia das Letras, 2003.

TROJANOW, Ilija. Degelo. Tradução de Kristina Michahelles. São Paulo: Companhia das Letras, 2013.

WALSER, Martin. Um cavalo em fuga. Tradução de Isabel de Almeida e Sousa. Lisboa: Publicações Dom Quixote, 1993.

WALSER, Robert. O ajudante. Tradução de José Pedro Antunes. São Paulo: Arx / Siciliano, 2003.

___. Jakob von Gunten. Trad. Sérgio Tellaroli. São Paulo: Companhia das Letras, 2011.

WASSERMANN, Jacob. Etzel Andergast. Trad. Maria Helena Amoroso Lima Senise e Octávio de Faria. Rio de Janeiro: Ed. A noite, s.d.

___. Kasper Hauser ou A indolência do coração. Trad. Adonias Filho. Rio de Janeiro: Topbooks, 1966.

___. O processo Maurício. Trad. Octávio de Faria e Adonias Filho. São Paulo: Abril Cultural, 1982. (Grandes Sucessos).

WOHMANN, Gabriele. Contos. Seleção e tradução de Rosvitha Friesen Blume. Florianópolis: EdUFSC, 2008.

WOLF, Christa. Em busca de Christa T. Trad. Andreas Amaral. São Paulo: Art Editora, 1987. (As Escritoras, 10).

___. Cassandra. Trad. Marijane Vieira Lisboa. São Paulo: Estação Liberdade, 1990.

ZWEIG, Stefan. As três paixões. Trad. Odilon Gallotti e Elias Davidovich. Rio de Janeiro: Ed. Delta, s.d.

___. Brasil, o país do futuro. Ed. Guanabara, 1957.

___. Brasil – um país do futuro. Porto Alegre: L&PM Editores, 2006.

___. Amok e Xadrez. Apres. Ingrid Schwamborn. Trad. Marcos Branda Lacerda e Odilon Gallotti. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1993.

 

Voltar à Página Inicial